Em novo local, 45ª edição do Arraial de BH terá programação diversificada

Evento contará com shows variados, vila gastronômica e número recorde de quadrilhas na arena do Mineirinho

Por:

A cidade de Belo Horizonte se prepara para receber a 45ª edição do seu tradicional Arraial, que promete encantar moradores e visitantes com uma programação diversificada. O lançamento do evento foi realizado na manhã de quinta-feira (27), na histórica Casa do Baile, localizada na Avenida Otacílio Negrão de Lima, na região da Pampulha. Este ano, o evento ocorrerá no espaço Mineirinho nos dias 20, 21, 27 e 28 de julho.

“Apresentamos a 45ª edição do Arraial de Belo Horizonte 2024, evento no qual colocamos tanta intenção para uma entrega cheia de afeto e emoção. Celebro a parceria entre todo poder público municipal e a comunidade junina, composta pelos principais atores do evento. É essa união que mantém a cultura e a tradição vivas e possibilita que o nosso festejo comemore 45 anos de história. Um evento que é tão importante para a cidade, mas que ganha cada vez mais repercussão no país”, comenta Bárbara Menucci, presidente da Belotur.

Quadrilhas Juninas

O Concurso Municipal de Quadrilhas também chega com novidades. Neste ano, as 16 quadrilhas do Grupo Especial abrem o festejo, com apresentações nos dias 20 e 21 de julho. Já nos dias 27 e 28 de julho, entram em cena 15 quadrilhas do Grupo de Disputa e 14 agremiações do Grupo de Acesso, respectivamente. Para avaliar as apresentações, a comissão julgadora levará em conta os seguintes quesitos: conjunto, coreografia, caracterização, marcador e casal de noivos.

Valorizando esses atores, a Belotur aumentou em quase 70% o auxílio financeiro para os grupos, assim como os valores de todas as premiações. Para cada uma das 45 quadrilhas inscritas foi destinado um auxílio financeiro de cerca de R$30 mil.

Os grupos de quadrilhas vencedores do Concurso Municipal receberão, além dos troféus, as seguintes premiações, de acordo com a sua classificação:

Grupo Especial

  • 1° lugar – R$ 17.500,00
  • 2° lugar – R$ 15.300,00
  • 3° lugar – R$ 13.000,00
  • 4° lugar – R$10.700,00

Grupo de Acesso

  • 1° lugar – R$ 14.800,00
  • 2° lugar – R$ 12.500,00
  • 3° lugar – R$ 10.300,00
  • 4° lugar – R$ 8.000,00
  • 5° lugar – R$ 5.800,00

Importante lembrar que as quadrilhas mobilizam diretamente mais de 3,2 mil pessoas em suas apresentações na Praça da Estação, fora as torcidas e familiares, que vêm de todas as regionais da cidade para o evento, o que demonstra o caráter democrático e descentralizado da festa.

Shows Musicais

O festejo não irá se concentrar somente nos tablados. Um grande palco será montado na área externa do Mineirinho, que receberá, nos dias 20 e 21 de julho, importantes nomes do sertanejo nacional, como a cantora Paula Fernandes e a dupla sertaneja Clayton e Romário. Também haverá apresentações de artistas locais, com os shows da cantora Duda Paiva (20) e da dupla Pedro Leite e Alemão (21).

Após o sucesso na última edição do Arraial, o ‘Palco Coreto’, que trouxe à Praça da Estação uma animada programação de forró, em parceria do poder municipal com o coletivo ‘Fórum Forró de Raiz de Minas Gerais’, estará de volta neste ano. Além das aulas do tradicional ritmo nordestino, o espaço contará com as apresentações das duplas locais Willian & Wesley e Marcelo & Ryan e com os shows das bandas de forró Chama Chuva e Trio Forrozão.

Toda programação musical do festejo pode ser conferida no Portal Belo Horizonte.

Gastronomia

Destacando um dos principais ativos de Belo Horizonte, uma Vila Gastronômica será montada nas dependências externas do Mineirinho, com mesas e cadeiras de madeira, área de lazer, iluminação e decoração especial para o maior conforto do público presente.

A 45ª edição do Arraial manterá a parceria com o Mercado Central de Belo Horizonte, como ocorreu no último ano. Bares do tradicional centro de compras da cidade terão pontos de vendas de alimentos na Vila Gastronômica. Os estabelecimentos Bar da Lora, Bar Mané Doido, Lá no Mercado Café, Bom Grill e Bar Zé da Onça irão levar para o Mineirinho os aromas, os sabores e a cultura de um dos pontos turísticos mais icônicos da cidade.

Também como em outras edições da festa, os alunos vencedores do 5º Concurso Prato Junino terão seus pratos comercializados a preços populares no local. A competição surgiu para promover a gastronomia mineira, elogiada e reconhecida em todo o mundo pela sua simplicidade, criatividade e valorização dos ingredientes regionais, além de destacar os elementos do período junino de uma forma acessível e inovadora. A edição de 2024 homenageia os 95 anos do Mercado Central, importante ponto turístico de Belo Horizonte e um dos locais mais queridos da cidade pelos visitantes e moradores.

Ações ESG

O Arraial também será uma oportunidade para a Belotur dar mais um passo em direção à implementação de práticas de sustentabilidade ambiental, social e de governança (ESG), e que serão colocadas em prática no festejo.

Uma das iniciativas que será realizada durante o Arraial de Belo Horizonte é o ‘Bosque dos Quadrilheiros’, uma parceria entre as quadrilhas, a Belotur e a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMMA) para plantio de mudas. As árvores serão plantadas na Avenida Antônio Carlos, em ação que conscientiza sobre a importância da preservação ambiental e promove o reflorestamento da região. Outro importante projeto que será colocado em prática no período junino é o ‘Controle de Compensação de Carbono’, que consiste na criação de um inventário detalhado que irá identificar as emissões de carbono geradas durante o evento, com o objetivo de desenvolver soluções que ajudem a reduzir a quantidade de gases poluentes liberados durante o festejo.

Além disso, a Belotur, em parceria com a Superintendência de Limpeza Urbana, planejou uma ação envolvendo os catadores da cidade. O foco será o recolhimento de recicláveis durante o evento no Mineirinho, com o objetivo de assegurar que os resíduos sejam descartados de forma correta.

Para assegurar a inclusão de todos os participantes, haverá intérpretes de Libras no evento, tornando-o mais acessível para pessoas com baixa ou nenhuma audição. Outra iniciativa de grande importância será a implementação do ‘Protocolo Quebre o Silêncio’, com o objetivo de conscientizar a população sobre a prevenção da violência contra mulheres nos espaços de lazer da cidade. Além disso, a Guarda Municipal distribuirá adesivos de campanhas contra a importunação sexual, especialmente contra mulheres e meninas menores de idade.

Já tradicional no festejo, a Feira Economia Solidária, oferecerá ao público uma variedade de produtos locais, incluindo alimentos frescos, peças de vestuário, artesanato e produtos de beleza. A iniciativa não só promove a economia local, mas também contribui para a geração de renda na cidade.

Com essas ações e operações planejadas, o Arraial de Belo Horizonte de 2024 promete ser um evento sustentável, inclusivo e seguro para toda a comunidade.

Transporte

Em função do evento, a BHTrans vai realizar uma operação especial no entorno do Mineirinho. Agentes da Unidade Integrada de Trânsito (UIT) – BHTrans, Guarda Municipal e Polícia Militar – vão monitorar as vias do entorno do ginásio para garantir a fluidez no trânsito. Haverá área reservada para táxis na avenida Antônio Abrahão Caram. A Superintendência de Mobilidade do Município (Sumob) está preparando um planejamento especial de transporte público para assegurar a chegada e saída do evento de forma segura e eficiente.

Segurança

A Secretaria Municipal de Segurança e Prevenção (SMSP) manterá equipes do Centro Integrado de Operações Belo Horizonte (COP-BH) e da Guarda Civil Municipal com a atenção voltada para o Arraial de Belo Horizonte durante os quatro dias do evento. A Sala de Controle Integrado (SCI) do COP-BH irá reforçar a equipe que atua no videomonitoramento da capital, a partir do dia 20 de julho. O objetivo é garantir que a festa transcorra sem gerar impactos negativos sobre o funcionamento da cidade. Mais de 20 instituições manterão equipes de plantão, podendo ser acionadas a qualquer momento, caso haja necessidade. O mesmo ocorrerá no dia 21. Para o final de semana subsequente, dias 27 e 28, está prevista a modalidade presencial do Posto de Comando.

Já o Comando da Guarda Civil Municipal de Belo Horizonte (GCMBH) irá empenhar um efetivo de 280 agentes para atuar em cada um dos quatro dias de eventos do Arraial de Belo Horizonte deste ano. Eles farão patrulhamento a pé e em viaturas, sendo reservada uma frota diária de 35 veículos para este fim. Os guardas municipais irão fiscalizar o trânsito do entorno e das demais vias de acesso ao Mineirinho, além de garantir a manutenção da ordem pública e coibir danos ao patrimônio público.

Saúde

A Secretaria Municipal de Saúde disponibilizará ambulância do SAMU, no Mineirinho, nos dias 20 e 27 de julho. Os veículos ficarão à disposição durante a programação do evento. Nas demais datas, dias 21 e 28 de julho, a regulação da festa será mantida no Centro Integrado de Operações de Belo Horizonte (COP-BH), com equipes atuando para organizar os atendimentos de acordo com a prioridade de cada caso.

Limpeza

A Superintendência de Limpeza Urbana (SLU) irá realizar a limpeza das vias impactadas pelo evento e vai instalar contêineres na área do evento. O efetivo à disposição será definido pela SLU nos próximos dias. Os catadores de materiais recicláveis da Asmare e da Cooperativa Solidária dos Trabalhadores e Grupos Produtivos da Região Leste (Coopesol Leste) também vão participar do Arraial de Belo Horizonte. Os trabalhadores vão contar com tendas para fazerem a triagem dos materiais, alimentação, água e uniforme, além de receberem diárias pelo trabalho. A participação dos catadores foi viabilizada pela Prefeitura de Belo Horizonte, por meio de uma parceria entre a Belotur, Superintendência de Limpeza Urbana (SLU) e Secretaria Municipal de Assistência Social, Segurança Alimentar e Cidadania (Smasac).

Programação dos Centros Culturais

As celebrações juninas descentralizadas em Belo Horizonte desempenham um papel crucial na promoção da cultura local e no fortalecimento do pertencimento da comunidade. Por isso, a Prefeitura de Belo Horizonte está promovendo uma série de festejos juninos nos Centros Culturais Municipais e no Centro de Referência da Cultura Popular e Tradicional Lagoa do Nado. Organizados pela Secretaria Municipal de Cultura e Fundação Municipal de Cultura, os eventos contarão com apresentações de quadrilhas, shows musicais e brincadeiras, além de barraquinhas com a comercialização de comidas típicas. O objetivo é valorizar as artes, a cultura e o patrimônio imaterial na cidade, garantindo o amplo acesso da população aos bens e serviços artístico-culturais. Todos os festejos têm entrada gratuita. A programação completa pode ser conferida no Portal Belo Horizonte.

Arraial de Belo Horizonte

O Arraial de Belo Horizonte, que chega à 45ª edição em 2024, é o festejo junino mais representativo da Região Sul e Sudeste do Brasil, pela valorização e respeito à cultura e às tradições que envolvem o período. O evento é uma realização da Prefeitura de Belo Horizonte, por meio da Belotur, com a colaboração da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL/BH), da rede de Supermercados Mart Minas, rádio oficial Liberdade FM e emissora oficial TV Globo em Minas, parceria com o Mercado Central e apoio técnico da Comissão Junina Mineira.

Trabalhado a partir da ideia de uma ‘Experiência Junina Completa’, a festa belo-horizontina foca em três grandes eixos: a apresentação das tradicionais quadrilhas da cidade, shows musicais, com artistas locais e nacionais, e diversas atividades gastronômicas, como o Concurso Prato Junino e a Vila Gastronômica, sempre valorizando o título de Belo Horizonte como Cidade Criativa da Gastronomia pela Unesco.

Tags: prefeitura bh
Home » Conteúdo patrocinado » Em novo local, 45ª edição do Arraial de BH terá programação diversificada

Notícias Relacionadas