Haddad troca Fórum Econômico Mundial por encontro com Pacheco

O ministro da Fazenda se reúne nesta segunda-feira (15) com o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, para tratar da MP que reonera folha

Por:

O Presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o Ministro da Fazenda, Fernando Haddad, não estarão presentes na edição deste ano do Fórum Econômico Mundial em Davos, Suíça, que teve início na segunda-feira (15).

Lula optou pela não participação no Fórum como resultado de sua decisão de priorizar viagens nacionais em 2024. Na quinta-feira (18), o Presidente iniciará compromissos fora de Brasília, com uma visita a Salvador, Bahia. Da mesma forma, o Ministro Haddad optou por compromissos no Brasil em vez da agenda internacional. No meio das negociações para a tramitação da Medida Provisória (MP) da ‘reoneração’ no Congresso, Haddad decidiu permanecer na capital federal.

“Optamos por permanecer devido às importantes negociações em curso no Congresso”, declarou Haddad. Nesta segunda-feira, ele se reúne com o presidente do Congresso, senador Rodrigo Pacheco (PSD-MG), para discutir o futuro da MP e evitar que seja devolvida ao governo.

Outro indivíduo notável ausente é o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto. O Brasil está sendo representado no encontro de lideranças internacionais pelos ministros Marina Silva (Meio Ambiente), Nísia Trindade (Saúde) e Alexandre Silveira (Minas e Energia). Junto a eles, Celso Amorim, assessor-chefe da Assessoria Especial de Lula, também faz parte da delegação brasileira.

A ausência dos dois principais representantes econômicos do país é notável, no entanto, o Brasil ainda tem uma forte presença no Fórum.

Tags: fernando haddad, haddad, Rodrigo Pacheco
Home » Política » Haddad troca Fórum Econômico Mundial por encontro com Pacheco

Notícias Relacionadas