Favoritismo? Ministério do Esporte destina recursos para cidades comandadas por aliados

Barra de São Miguel, cidade em Alagoas governada pelo pai de Arthur Lira, foi a oitava cidade que mais recebeu recursos

Por:

André Fufuca, à frente do Ministério do Esporte, intensificou a liberação de fundos federais para Barra de São Miguel, no estado de Alagoas. Quem atua como prefeito da cidade é Benedito de Lira, pai de Arthur Lira (PP-AL), o atual presidente da Câmara dos Deputados. Foi constatado que outros governos municipais do PP, partido de Fufuca, também foram beneficiados.

No segundo semestre do último ano, Arthur Lira pressionou o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) para realizar uma minirreforma ministerial e incorporar o Centrão ao governo. Foi esta manobra que colocou Fufuca no Ministério do Esporte, substituindo Ana Moser.

Nos últimos três meses de 2023, Barra de São Miguel, com uma população de 8 mil habitantes e situada a 31 quilômetros da capital Maceió, tornou-se a oitava cidade que mais recebeu recursos do Ministério do Esporte, dentre as 5.565 do país. Durante esse período, quase R$ 4 milhões foram alocados para a construção de duas arenas, um complexo esportivo e para o fomento do futebol amador.

Divulgação do ranking

O levantamento foi realizado pelo jornal ‘O Globo’ e divulgado na terça-feira (16). A cidade também ficou em segundo lugar no ranking dos municípios que mais firmaram acordos durante a gestão de Fufuca, totalizando quatro assinaturas. Belo Horizonte (MG) ficou em primeiro lugar, com seis convênios no período.

Os aproximados R$ 4 milhões destinados para Barra de São Miguel foram divididos da seguinte maneira: R$ 1,2 milhão para a construção de duas arenas esportivas; R$ 1,9 milhão para a construção de um complexo esportivo; e R$ 818,3 mil para investimento no futebol amador. Não foram informados detalhes sobre as construções, como o local, a capacidade, os equipamentos e as modalidades esportivas.

Craíbas, cidade com 25 mil habitantes localizada a 150 quilômetros de Maceió, também foi beneficiada com um convênio. Assinado em 29 de dezembro, o acordo prevê a construção de um ginásio poliesportivo. Para isso, o ministério deve destinar R$ 1,4 milhão ao município, cujo prefeito é Teófilo Pereira (PP), primo de Lira. Ao todo, cidades administradas pelo PP firmaram 19 acordos apenas na última semana do ano.

Ministério do Esporte nega

Em resposta ao jornal, o Ministério do Esporte negou que houve favorecimento a aliados de Fufuca e afirmou que os projetos foram aprovados em ‘cidades administradas por gestores de todas as cores políticas’. Afirmou também que os critérios para a seleção das cidades beneficiadas são ‘técnicos’ e que os acordos firmados ‘foram analisados e tratados com base na estrita legalidade’. Benedito de Lira não se pronunciou sobre o assunto.

Tags: andre fufuca, arthur lira, camara dos deputados, ministerio do esporte
Home » Política » Favoritismo? Ministério do Esporte destina recursos para cidades comandadas por aliados

Notícias Relacionadas